terça-feira, outubro 12, 2010

Concordância...

Ontem ouvi o bochechas dizer que não é a sociedade civil que vem em auxílio dos portugueses em época de crise, mas sim o Estado. Fiquei confuso com o uso da abstracção Estado. Humm, será que o que o sujeito quis dizer foi que somos nós que nos vimos salvar em épocas de crise provocadas por incompetentes como ele? Se foi isso, devo assumir que finalmente estamos de acordo nalguma coisa. Havia de chegar o dia, pois então.

6 Comentários:

Às 6:29 da tarde , Anonymous Anónimo disse...

Todos botam faladura, mas recebem reformas chorudas. Mário Soares devia ser o 1º a dar o exemplo pois a Fundação (M.Soares) recebe milhões do Estado e ninguem sabe para que fins e a que se destinam. Abraço

 
Às 6:54 da tarde , Anonymous Anónimo disse...

O Marocas torceu-se todo na cadeira..Ainda tive esperança que aqueles 3 tivessem a ideia de dar um contributo ao País, e aconselhassem o Ministro das Finanças a reduzir nas suas pensões. Triste País, triste realidade.

 
Às 7:14 da tarde , Anonymous Anónimo disse...

A constituição devia ser revista, no sentido de impor limite de idade de reforma, quer aos Presidentes da Républica, quer aos Deputados, em vez de mandatos..Essa escumalha, está no poleiro meia dúzia de anos e tem reformas milionárias.

 
Às 7:29 da tarde , Anonymous Anónimo disse...

Mário Soares é um parasita, que vive á custa do Estado, ele e a família. A comunicação social fazia um grande favor a todos os Portugueses,se fizesse debates com pessoas sem rabos de palha,e não agarrados á politica.

 
Às 7:49 da tarde , Anonymous Anónimo disse...

O debate do trio de grandes reformados, acompanhados pela múmia ambulante.

 
Às 7:55 da tarde , Anonymous Anónimo disse...

Apelo á ponderação e bom senso? Pedem o que eles não tem? Não passam de politiqueiros de plantão. Abraço

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial